Notícias

02/09/2019 19H31 Inova Farm Lem premia melhores soluções para a agropecuária da região Oeste da Bahia

Durante três dias, o Sindicato dos Produtores Rurais de Luís Eduardo Magalhães – SPRLEM, sediou o Inova Farm Lem, evento que recebeu cerca de 40 profissionais da área do agro, desenvolvimento, negócios e designer que trabalharam em busca de soluções tecnológicas para o setor agropecuário da região.

Após uma programação com 52 horas com visita a propriedade rural, desafios, palestras, mentorias, dinâmicas, pré-pitch (apresentação do negócio) e muita dedicação, as sete equipes participantes: Agri Unfire, Aproxima Grãos, Arroba Certa, Farm Fértil, Fish Farm, SimpleRH e SoftAgrotec buscaram desenvolver soluções para problemas reais apresentados pelos produtores rurais.

Ao final, os grupos apresentaram suas soluções para uma banca julgadora formada pelo presidente e vice-presidente do SPRLEM, Cícero José Teixeira e Ricardo Mariotti, respectivamente, e pelo CEO da empresa parceira do evento, CYKLO Aceleradora Agritech, Pompeo Scola que avaliaram e escolheram os melhores projetos.

 

Equipes premiadas

Após avaliação da banca, o projeto “Aproxima Grãos” apresentado por Nailton Ficagna, Mayara Mayumi dos Santos Shiguematsu e Vinicius Reis foi o escolhido como a melhor solução. Um aplicativo que aproxima a demanda e oferta de grãos, com um leque de possibilidades para negociação entre produtores e compradores finais. O primeiro lugar recebeu em premiação um treinamento de 40 horas do Trilha Agritech Sebrae com especialistas que os ajudarão na capacitação de recursos externos para viabilizar o negócio. Além disso, o grupo também participará de um período de incubação de seis meses na Universidade do Oeste Baiano (UFOB), onde terá todo suporte necessário para que possam continuar desenvolvendo a ideia.

“O evento foi espetacular, realmente é uma coisa que faz a gente sair da nossa zona de conforto. Foi bastante puxado, em dois dias tivemos que identificar um problema, achar uma solução e colocá-la para rodar. É desafiador, uma experiência única. Apesar de já trabalhar na área, é muito bom sempre ver novas ideias. Eu me sinto muito honrado por poder participar”, disse Nailton.

O segundo lugar foi conquistado pela “Fish Farm”, solução pensada pelos membros Jackson Wille, Juliano Hatleben, Gabriela Amaral, Felipe Borges e Jota Alves que trouxeram um aplicativo de gerenciamento de unidade piscicultoras, voltado para o pequeno, médio e grande produtor. A interface ajudaria nas tomadas de decisões na hora de iniciar um novo lote de produção, ajudando na comercialização, verificação de custo e previsão de lucro. A equipe recebeu em premiação uma mentoria da aceleradora Cyklo, além de participar dos seis meses de incubação na UFOB.

“O evento foi inovador e estimulante. Algo que realmente condiz com o nome, inovação tecnológica para a agricultura. O evento com este formato de trabalho em equipe agrega um potencial a você e ao seu grupo porque cada um de nós temos um diferencial e um pode ser o complemento para o outro. Trouxemos um aplicativo para o Inova Farm que foi o Fish Farm, um aplicativo que irá solucionar alguns problemas dos piscicultores. Saímos felizes em participar de um evento como este”, destacou Jackson.

A Terceira colocação ficou para o grupo formado por Genival Figueredo Nascimento, Mariana Câmara, Ernando Bento de Caldas, Daniel Bonfim Manera, Pâmela Beatriz Santos e Adenilton Alves de Souza que apresentou um aplicativo que busca informações de incêndios e envia alertas destes focos proporcionando insinght de combate a incêndio através do App AGRI Unfire. O grupo também passará pela mentoria da aceleradora Cyklo e os seus membros garantiram os ingressos para o Rio Info, maior evento de negócios e Tecnologia da Informação (TI) do Brasil, que acontecerá no Rio de Janeiro.

“O evento foi muito bom, pudemos juntar experiências de diversas áreas e aprofundar mais os nossos conhecimentos, além de fazer networks com pessoas de valores e culturas diferentes. Assim como foi no caso da nossa invenção e criação deste app, nós pensamos muito sobre o que mais afeta na produção e no que pode trazer de perca para os produtores, assim criamos algo que solucionasse ou minimizasse os impactos das queimadas que invadem as propriedades rurais que podem causar grandes prejuízos, tanto ambiental quanto patrimonial. Agregamos os conhecimentos de cada integrante do grupo e criamos essa ideia, algo atrativo de fácil manuseio e que trará benefícios aos produtores”, falou Ernando.

O Inova Farm Lem é uma ação do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), em parceria com a Agência Nacional de Promoção da Excelência do Software Brasileiro (Softex), apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

 

 

ASCOM

Sindicato dos Produtores Rurais de Luís Eduardo Magalhães – SPRLEM