Notícias

04/06/2020 09H28 Encerramento do módulo “A Empresa Rural e sua Estrutura” marca o sucesso no formato EaD do Programa Jovem Aprendiz em Luís Eduardo Magalhães

O Programa Jovem Aprendiz, curso Aprendiz de Trabalhador e Auxiliar Administrativo e Financeiro do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – SENAR, devido a pandemia do coronavírus, causador da Covid-19, retornou no mês de maio com as atividades em formato EaD com os mais de 30 jovens aprendizes do polo de Luís Eduardo Magalhães.

As atividades à distância é uma novidade e possibilita aos jovens a oportunidade de participarem de aulas online bastante didáticas com vídeos e uso de chat em plataformas digitais.

Para o instrutor do SENAR, Bruno Augusto Almeida, a experiência da educação a distância junto ao programa Jovem Aprendiz, foi uma alternativa nova e que agregou muito ao conhecimento de todos os envolvidos (jovens, instrutores e coordenação) em meio a situação da pandemia que o mundo se encontra. “Notei uma excelente interação dos jovens, esclarecendo dúvidas e trazendo questionamentos e exemplos muito didáticos da região Oeste da Bahia. Por ser um formato online observei uma boa adaptação dos jovens que estão acostumados com a tecnologia e a participação de alunos mais inibidos, tendo em vista que além do áudio podemos participar por chat”, disse Bruno.

No dia 02/06, aconteceu o encerramento do módulo: A Empresa Rural e sua Estrutura, ministrado pelo profissional, o engenheiro agrônomo, Bruno que trouxe para o momento entrevistas com a produtora rural e vice-presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado da Bahia – FAEB, Carminha Missio e com o produtor rural e presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Luís Eduardo Magalhães – SPRLEM, Cícero José Teixeira, que contribuíram com a dinâmica, com o propósito de  impulsionar e dar ânimo aos jovens aprendizes.

A vice-presidente da FAEB, Carminha Missio disse aos jovens que estão buscando envolvimento no agronegócio do Oeste Bahia. “Todo sucesso é alcançado com um passo após o outro, o sucesso que alguém consegue na vida é lento, e depende do conhecimento, da dedicação e do acreditar em seus próprios sonhos. É o fazer além da obrigação, é buscar um pouco mais de conhecimento, é o querer ser e seguir bons exemplos, e a partir disso, sonhar grande, acreditar na sua capacidade, fazer de tudo para conquista o seu espaço, porque ninguém nasce pronto, nós nos aprontamos para as exigências do mercado agropecuário que é essa cadeia maravilhosa da qual fazemos parte”, falou.

Na oportunidade os produtores falaram sobre a empresa rural na atualidade, as principais características que um empresário rural deve apresentar, como se tornar um empresário de sucesso e sobre os jovens do jovens do Programa Jovem Aprendiz e os que estão envolvidos no agronegócio na região Oeste da Bahia.

O presidente do SPRLEM, Cícero Teixeira destacou que para se tornar um empresário de sucesso, o princípio básico é trabalhar, mas é preciso também, ter o controle do seu negócio, fazer o que gosta e fazer bem feito tudo o que precisar ser executado.

O encerramento do módulo, marcou o sucesso do trabalho desenvolvido pelo SENAR e seus profissionais através do método EaD para garantir a capacitação e formação dos jovens. O Programa Jovem Aprendiz Rural, objetiva incluir, capacitar e promover o desenvolvimento profissional de jovens, oportunizando a formação profissional rural, capacitando-os para o ingresso no mercado de trabalho.

 

Depoimentos Jovens Aprendizes polo Sindicato dos Produtores Rurais de Luís Eduardo Magalhães

 

“Em meio aos acontecimentos mundiais, fomos submetidos ao ensino a distância, e o SENAR está de parabéns em como está abordando esse método. Primeiramente, o canal escolhido é ótimo, os profissionais têm toda a preocupação em transmitir o conteúdo da melhor forma possível, se reinventando, avaliando e adotando as melhores maneiras. Agradeço e parabenizo aos instrutores: Raissa e Bruno Augusto, e em conjunto com a coordenação, Daniela, Liziane e Jaqueline que trabalharam juntos para aplicarem os conteúdos, de forma interativa, fazendo com que as horas de aula/trabalho passem muito rápido e sejam produtivas, abrangentes e incríveis. O encerramento de um dos módulos com a entrevista do presidente do SPRLEM, Cícero José Teixeira e a vice-presidente da Faeb, Carminha Missio, pode ser definido como palavras de grande incentivo, um relato de quem vive no mundo agro e que são ricos de tantas experiências e conhecimento vindo diretamente para nós, implica em estímulo, fazendo com que nosso engajamento se faça presente mais e mais para percorrer o caminho do agronegócio”, falou a jovem aprendiz, Jôany Silva Barros.

 

 

 

“Gostei bastante do módulo novo, e também do novo método aplicado para continuarmos nossa capacitação. Todos nós tivemos que nos adaptar, mas foi uma experiência nova tanto para nós quanto para os professores e Senar que deu muito certo. A oportunidade de ouvir os produtores, através da dinâmica foi ótima. Concordo plenamente com o que os entrevistados falaram e também dos conselhos dados a nós jovens aprendizes, que irei levar para a vida toda, eu particularmente não sei o que eu pretendo ser futuramente ainda, mas espero me adaptar, fazer mais além da minha obrigação e buscar o envolvimento no agro”, disse o jovem aprendiz, Lucas Santos dos anjos.

 

 

 

 

 

“No módulo que encerramos, podemos ver sobre a receita, a despesa e os investimentos, fatores determinantes para a produção (recursos que são necessários para que haja a produção) além da importância da mão de obra durante todo o ano. Trabalhar esse módulo foi muito bom pois conhecemos a estrutura de uma empresa, o que vem agregar bastante aos nossos conhecimento”, destacou a jovem aprendiz, Samay Ferreira da Silva.

 

 

 

 

 

“O curso tem sido muito importante para nós, desde que iniciamos tenho aprendido bastante. O módulo que encerramos, ministrado pelo instrutor Bruno, foi um dos modelos que mais me chamou atenção, até porque tinham informações que nunca ouvi falar e não sabia. Foi muito bom e na oportunidade, agradeço ao Senar, as empresas parcerias por nos proporcionarem a oportunidade de participar desse curso, e agradeço também a todos os profissionais que estão nos incentivando a cada módulo. Obrigada!”, falou a jovem aprendiz, Aline Maria da Silva Soares.

 

 

 

 

 

 

ASCOM

Sindicato dos Produtores Rurais de Luís Eduardo Magalhães – SPRLEM